Necrológio

HOMENAGEM PÓSTUMA

Fonte: Adolfo Rondon em 25 de Julho de 2015

Na manhã de domingo, dia 19 de julho de 2015, Corumbá perdeu um dos seus ilustres filhos, que muito contribuiu para o bem estar dos menos favorecidos da sorte, através de suas ações de inclusão social. Devido a um infarto fulminante, faleceu Heraldo Tadeu Moraes Cambará, aos 63 anos.

Tadeu Cambará como era conhecido, exerceu com muita dignidade a sua profissão de contabilista durante 44 anos, marcando época com seu escritório contábil situado por muitos anos na Rua Ladário, entre as ruas 13 de Junho e Dom Aquino, no centro de Corumbá, onde além do grande número de clientes, ainda atendia as pessoas que se encontravam com dificuldade para pagar pelo serviço prestado, assim como entidades filantrópicas, inclusive com impressos.

O pranteado foi um dos fundadores do tradicional clube de campo Lago Azul situado em Maria Coelho, tendo sido depois presidente dessa entidade voltada para o lazer. Também foi presidente da Associação Atlética Banco do Brasil(AABB) e do Lions Clube de Corumbá, no qual junto com seus membros organizava promoções beneméritas em prol dos carentes e de outras entidades sociais e clubes de serviços, com destaque para as tradicionais quermesses. Colaborava também com a ACLAUD, entidade voltada para a recuperação dos dependentes químicos de nossa região e que foi fundada pela inesquecível "tia" Laura Pinheiro.

Cambará foi membro do Conselho Regional de Contabilidade do Estado de Mato Grosso do Sul, inclusive como Delegado.

Como animado folião e carnavalesco, participou ativamente da Escola de Samba "A Imperatriz", que durante os 9 anos que desfilou nas passarelas da Avenida General Rondon, sagrou-se campeã, assim como também foi um dos fundadores do bloco "Gente Boa Somos Nós". Tanto a escola de samba como o bloco foram fundados e comandados por todos da família Cambará.

Como desportista, Heraldo Tadeu foi goleiro do antigo Futebol de Salão, hoje Futsal, atuando inclusive pela Seleção Estudantil de Corumbá, dentre muitas outras equipes de nossa região. Era torcedor do Clube de Regatas do Flamengo do Rio de Janeiro.

Heraldo Tadeu Moraes Cambará era filho de Saturnino Moraes Cambará(Tino) e de Altina Moraes Cambará, tendo nascido em Corumbá no dia 28 de outubro de 1951. Deixa viúva a benquista Sra. Elzani Lima Cambará, carinhosamente chamada por "Zazá". Era genitor do Tiago Lima Cambará, Administrador de Empresas que reside em Campo Grande e que junto com sua esposa Cristiane lhe deram a neta Luísa e também pai da Thaís Lima Cambará, que com seu esposo Nairo deram-lhe a neta Ana Beatriz. Heraldo deixa 1 irmão, o José Márcio Moraes Cambará que mora no Rio de Janeiro. Tios paternos: os saudosos Luiz Moraes Cambará, Fermino, Airton Cambará, Maria, Inocência Cambará e Anita; bem como a Janir e Nadir Cambará. Pelo lado materno: Enio Moraes(Buchecha), já falecido, Nadir(in memória), Maria Moraes e Iraci. Deixa ainda vários primos, dentre eles Genyrton Cambará, Técnico do Seguro Social do INSS, atualmente em Campo Grande; Luiz Mário Cambará, assessor do gabinete do prefeito de Corumbá e a Miriam Cambará.
Missa de 7.º Dia

A família enlutada agradece a todos pelas manifestações de carinho e pesar durante o velório e sepultamento, via ligações telefônicas e mensagens nas redes sociais. Aproveita do ensejo para convidar os demais parentes e amigos para a Missa de 7.º dia que será celebrada hoje, sábado, 25 de julho, às 17 horas, na Igreja Sagrado Coração de Jesus, situada na Rua Major Gama, esquina com a Rua Joaquim Murtinho-centro.

Tadeu Cambará tinha o dom da intuição bastante forte, possuía força, competência e inteligência suficientes para lutar por todos os seus objetivos e nunca desistia de um projeto já em andamento. Esbanjava autoconfiança e sabia se impor quando necessário, apesar da humildade para reconhecer seus limites. Pai e avô extremado, amigo leal. As quermesses dos clubes de serviços e de outras entidades já não serão as mesmas sem a sua marcante presença atendendo com atenção e cordialidade.

Depoimento do consagrado colunista social Alfredo Sartory: "Tadeu Cambará, Homem de um senso humanitário sem igual, sempre disposto a auxiliar todos que o procurava. Assim foi com a Mãos Amiga, Aclaud; Lar de Ismael; Asilo São José e tantas outras entidades e instituições!".

A numerosa família Moraes Cambará nossos sentimentos e, a alma de Heraldo Tadeu, muita luz e paz no Reino do Senhor.