Necrológio

Morre em Corumbá um dos maiores empreendedores de nossa região de todos os tempos: Rafael Candia!

Fonte: Adolfo Rondon em 28 de Julho de 2015

Arquivo Correio de Corumbá

Corumbá está de luto. É com profundo pesar que registramos o falecimento do empresário Rafael Candia, ex-presidente da Associação Comercial e Empresarial de Corumbá, ocorrido na manhã de hoje, terça-feira, dia 28 de julho de 2015, devido à enfermidade. O seu corpo estará sendo velado no auditório da ACIC a partir das 16horas. Sepultamento amanhã, quarta-feira em horário a ser marcado.

Rafael Candia deixa viúva a Sra. Ana Elena Chimirri Candia(Dona Nena), com quem conviveu por 53 anos e 4 filhos: Rafael Candia Junior, Ricardo Chimirri Candia, ex-prefeito de Corumbá-MS, Rogério Candia, atual vereador a Câmara Municipal de Corumbá e o publicitário e músico Roberto Chimirri Candia(Beto), além de diversos netos e netas. Era irmão do ex-prefeito José Sebastião Candia de saudosa memória. A sua esposa fez muito sucesso em nossa região como grande intérprete da música popular brasileira, inclusive sendo vencedora de festivais realizadas no Riachuelo Futebol Clube nos anos 60 e 70. Infelizmente nos últimos anos foi acometida do Mal de Alzheimer.

Falito como era carinhosamente chamado, foi presidente da ACIC de 1978 a 1983, quando construiu a maior parte da atual sede que fica na Rua Delamare, bem no centro da cidade e cujo terreno foi doado pelo inesquecível banqueiro e empresário Alfredo Zamlutti. Agora somente estão vivos os ex-presidentes Waldemar Lins, Benedito Paulo Saab, Armando Anache, que depois foi prefeito de Corumbá; Ruy Waldo Albaneze, outro ex-prefeito; Alfredo Fernandes, ex-presidente da FIEMS e Ivan Abrahão Marinho. Nos últimos anos a Associação Comercial e Empresarial de Corumbá tem como presidente o empresário Alfredo Zamlutti Junior.

O pranteado começou a trabalhar muito jovem na Concessionária da Chevrolet e Ford, de propriedade do seu genitor e depois na oficina da empresa Cândia & Cia de sua própria família. Mais tarde Rafael Candia se tornou proprietário de granja e de abatedouro, chegando a abater mais de 200 frangos por dia.

Atendendo convite do então prefeito Aurélio Scaffa, em 1975, concorreu ao cargo de presidente do Corumbaense Futebol Clube, vencendo Nei Malheiros por 200 votos a 11. No comando do Carijó da Avenida construiu a boate do clube, dentre outros benfeitorias. Rafael Candia também foi presidente do Centro Brasileiro Boliviano 30 de Marzo, quando era o único brasileiro do mesmo. Mais tarde foi presidente do Rotary Clube de Corumbá - Leste.

Aos 50 anos de idade, Rafael Candia sofreu um infarto e teve que ser levado as pressas para São Paulo numa UTI aérea, que decolou a noite do Aeroporto Internacional de Corumbá, que naquela época não tinha pista com iluminação, quando dezenas de amigos foram para a Rua Edu Rocha acender os faróis altos dos seus veículos para clarear a pista. Toda cidade formou uma corrente de orações pelo pronto restabelecimento desse grande empreendedor corumbaense. Graças a Deus Falito ficou bom e viveu até a manhã de hoje quando partiu para o Reino do Senhor, prestes há completar 80 anos.

Rafael Candia foi secretário municipal por duas vezes, como titular da Secretaria de Obras e Secretaria de Operações Urbanas da Prefeitura Municipal de Corumbá, que correspondem nos dias atuais a Secretaria de Infraestrutura.

O comerciante Rafael Candia há décadas era proprietário da firma Rações Uirapuru situada na Rua 7 de Setembro, entre as ruas Delamare e 13 de Junho, no centro de Corumbá, atualmente sob a direção do Rafael Candia Filho e irmãos.

Portanto, Corumbá perde um dos seus mais dinâmicos filhos, que deixa um legado de relevantes serviços prestados a nossa região nos mais diversificados cargos ou funções que exerceu com dedicação, dinamismo, honradez e honestidade. Pai e avô extremado. Amigo sincero das horas incertas, que era muito franco, não tinha palpas na língua, falava a verdade devido a sua sinceridade. Cumpriu com galhardia sua missão aqui no planeta terra.
Vá com Deus amigo Rafael Candia. Muita luz e paz a sua alma e o devido consolo a sua numerosa família que chora sua partida.