Necrológio

Morre ex-vereador de Corumbá!

Fonte: Adolfo Rondon em 12 de Junho de 2016

Arquivo Famliar

É com profundo pesar que registramos o falecimento do advogado Dr. JOSÉ PAULO MARTINS MACHADO, aos 68 anos, ocorrido ontem à noite, sábado, 11 de junho de 2016, quando repousava em sua residência situada na Rua Tiradentes, no centro de Corumbá-Mato Grosso do Sul.

Nas eleições de 1976 José Paulo foi eleito vereador à Câmara Municipal de Corumbá, com expressiva votação, tendo exercido com dignidade e muito trabalho seu mandato parlamentar, todavia, desistiu da política partidária, não concorrendo à reeleição.

O pranteado exerceu durante muitos anos a sua profissão de advogado na Comarca de Corumbá. Formou-se em Direito pela Faculdade Brasileira de Ciências Jurídicas do Rio de Janeiro. Seu filho do casamento com a escritora Beatriz Xavier, o Dr. André Luis Xavier Machado, segue a carreira do pai, se destacando em Campo Grande, tendo inclusive sido candidato em 2012 à vice-presidente da OAB/MS, na chapa do Dr. Júlio Cesar. Beatriz é filha da D. Izulina Gomes Xavier, exímia profissional da escultura e do artesanato e do inesquecível pecuarista e empresário José Xavier, morto em acidente na BR-262, junto com um netinho, por ocasião da maior chuva já registrada em Corumbá em um só dia, ocorrido no mês de fevereiro de 1992. José Paulo e Beatriz também são pais de Mariana Xavier.

José Paulo Martins Machado era filho do saudoso casal D. Dilma-Sr. Eurico Machado, pais também do Geraldino Martins Machado. Deixa viúva a Sra. Carmen Esther Costa Marques Machado, Assistente Social da Prefeitura Municipal de Corumbá há vários anos, genitores de Marcos Costa Marques Machado, casado com Naísa Tonon. Era cunhado do ex-secretário de Infraestrutura da Prefeitura, Eng.º Cássio Costa Marques e da professora Vera Costa Marques, proprietária de educandário infantil.

Nasceu em Corumbá no dia 28 de janeiro de 1948. Estudamos juntos nos anos de 1950 na Escola Salesiana de Santa Tereza e fizemos a primeira comunhão no Santuário de Maria Auxiliadora em 1955. Portanto, éramos amigos de infância e vizinhos, quando eu morava na antiga Rua João Pessoa, hoje Rua Dom Aquino Corrêa e José Paulo na Rua Ladário. Brincávamos com todos os amigos(as) daquela região, no playground da antiga Praça Uruguai local onde hoje está a Escola Julia Gonçalves Passarinho(JGP) e em que eram armados os grandes circos do país, inclusive o Bocute do afamado palhaço Pasta Chutas e Circo do Nhô Pai, compositor da música "Seriema de Mato Grosso" e de outros sucessos sertanejos.

O Dr. José Paulo era muito estimado em nossa região e na Capital do Estado, deixando vasto círculo de amizades. Torcedor do Flamengo do Rio de Janeiro, sempre alegre, de bem com a vida, brincalhão e da alto astral, gostava de prestigiar as promoções de carnaval e de frequentar os principais restaurantes aqui da Cidade Branca e de Campo Grande.

José Paulo Machado foi velado na Capela Cristo Rei e seu corpo foi sepultado por volta das 11 horas da manhã deste domingo, 12 de junho, no Cemitério Santa Cruz. Apesar de frequentar com assiduidade os velórios e acompanhar os enterros, confesso que desta vez não tive coragem de ir me despedir do amigo de 63 anos, ou seja, desde 1953. A família enlutada meus sentimentos, a sua alma, muita luz e paz no Reino do Senhor.

ADEUS, MEU AMIGO ZÉ PAULO! Vá de encontro aos seus entes queridos e amigos que já partiram.