Economia

Com queda nas vendas de veículos, comércio fecha julho com variação negativa

Fonte: Assessoria de Imprensa Fecomércio em 14 de Setembro de 2016

A Pesquisa Conjuntural do Comércio desenvolvida pelo IPF-MS (Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Fecomércio MS), realizada com base em dados da PMC (Pesquisa Mensal do Comércio) mostra que em julho o setor apresentou queda 1,2% na receita nominal comparada a igual período de 2015, acompanhando a queda nacional, que foi de 1,3%.

No Estado, os segmentos que apresentaram as variações mais significativas foram de supermercados, artigos alimentícios, bebidas e fumo (com alta de 5,4%) e veículos e peças (com queda de 5,8%).

"Assim como no País, a receita nominal do setor nos últimos 12 meses ficou abaixo dos índices de inflação", avalia o presidente do IPF, Edison Araújo.