Polícia

PF desmonta em Corumbá quadrilha que abastecia narcotráfico no 'tudo ou nada'

Fonte: Thatiana Melo/Midiamax em 28 de Março de 2017

Divulgação/PF

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (28), a Operação All In para desarticular uma organização criminosa, que seria responsável pelo tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro. 150 policiais participaram da operação.

Foram cumpridos 50 mandados em seis estados brasileiros, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, São Paulo e Goiás. Foram 28 mandados de prisão cautelar, 25 mandados de busca e apreensão, e sete mandados de condução coercitiva.

A droga era distribuída na região sudeste do país por via terrestre depois de ser internalizada no território brasileiro, por aeronaves. Os agentes cumpriram nesta terça-feira o sequestro de seis aeronaves, cinco imóveis e ainda um aeroporto particular.

68 contas correntes foram bloqueadas e mais de 35 veículos apreendidos. De acordo com informações da Polícia Federal o patrimônio da quadrilha era de R$ 7 milhões e 500 mil. Durante as investigações três integrantes foram presos transportando mais de 800 quilos de cocaína vinda da Bolívia.

Operação
A operação foi batizada de "All In", jogada típica do Poker em que o jogador aposta todas as suas fichas em uma mão de cartas, em alusão à forma impetuosa com que a quadrilha desenvolvia suas atividades, arriscando-se no transporte de grandes carregamentos de entorpecentes.