Coisas que Acontecem

Renal MED: a Clínica que Salva Vidas!

Fonte: Farid Yunes em 08 de Junho de 2017

Ilustração

Durante 21 anos moradores da fronteira dos dois lados buscavam condução para levá-los até Campo Grande, onde faziam a Hemodiálise. Eram os renais crônicos.

Um médico corumbaense, especialista da Nefrologia, resolveu encarar o elevado investimento na aquisição dos equipamentos, encorajado pelo sentimento de ver os necessitados sacrificados pelas seguidas viagens, gastos com hospedagens na Capital e outras despesas. Estou me referindo ao Dr. Luis Ricardo Saab, um médico dedicado e muito competente.

O Dr. Luis Ricardo e o Dr. Rodrigo, ambos nefrologistas, contam com 25 funcionários(as), inclusive dedicadas enfermeiras em cada um dos turnos de atendimento a dezenas de pacientes, valendo destacar a que ocupa a função de chefia: ROSA GIANE, muito atenciosa para com todos que fazem tratamento renal no setor que foi instalado no prédio da Santa Casa de Corumbá, já alguns anos pelo Dr. Luis Ricardo. Em prédio particular, os custos para adaptação seriam elevadíssimos, sendo assim a direção da Associação Beneficente de Corumbá(ABC) cedeu parte do hospital para o funcionamento da Renal MED, que começou dando atendimento apenas para 4 pacientes e no decorrer dos anos, o número foi crescendo e atualmente já são quase 90 pacientes, sendo que mais nove estão aguardando vagas.

Vale citar que normalmente os turnos da manhã e da tarde duram uma média de quatro horas de "Diálise".

Com o número cada vez maior de renais crônicos, viu-se a necessidade de se abrir um terceiro turno.

Programado pelo Ministério da Saúde para atender um determinado número de pacientes, a Clínica se vê em dificuldades para dar assistência a mais doentes de toda nossa região, valendo dizer que os custos já estão defasados há mais de três anos, tendo o Governo congelado por quatro anos o aumento dos repasses, causando déficit na sua contabilidade, concedendo só 8% esse ano.

Contactando com altos funcionários do Ministério da Saúde, sabendo das dificuldades por que passa a Clínica Renal MED, que faz os tratamentos de Hemodiálise em Corumbá, afirmaram que geralmente quando a necessidade do terceiro turno, as clínicas têm procurado as prefeituras para viabilizar essa necessidade atual de Corumbá e região.

Segundo informações, a prefeitura local já tem conhecimento do problema e estaria realizando estudos para encontrar uma solução. O próprio prefeito Ruiter Cunha já estaria tentando contato com o ministro da Saúde visando recursos para viabilizar mais um turno de atendimento.