Educação

Eleita primeira diretoria do Conselho de Reitores do MS

Fonte: Ascom/IFMS em 13 de Junho de 2017

O Conselho de Reitores das Instituições de Ensino Superior de Mato Grosso do Sul (CRIE-MS) elegeu em reunião nesta segunda-feira, 12, a diretoria responsável pela implantação das ações do colegiado.

O presidente eleito foi o reitor da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Fábio Edir, e o vice-presidente escolhido foi o Pe. Ricardo Carlos, da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB).

"O Crie-MS é uma ação inovadora, única no país, que congrega instituições públicas e particulares. O Estado tem muito a crescer nesse cenário com as ações deste grupo de dirigentes", afirmou Fábio.

Também integram o grupo os reitores do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), Luiz Simão Staszczak, das universidades federais de Mato Grosso do Sul (UFMS), Marcelo Turine, da Grande Dourados (UFGD), Liane Maria Calarge, e da Uniderp, Leocádia Aglaê Petry Leme.

A escolha dos primeiros dirigentes foi feita durante a terceira reunião de trabalho do colegiado, realizada na sede da UCDB, na Capital. A posse oficial será realizada em solenidade prevista para agosto.

Histórico - Todos os reitores foram unânimes em ressaltar a iniciativa pioneira do CRIE-MS, composto por instituições públicas e privadas do Estado que atuam desde a educação básica até a pós-graduação.

"Nossa equipe tem o desafio de promover a melhoria da educação em todos os níveis e modalidades, verticalizando a qualidade do ensino no Estado, e propondo ações nos eixos da inovação, mobilidade acadêmica, internacionalização e cultura", analisou o reitor do IFMS, Luiz Simão.

Esta foi a primeira oportunidade, também, em que um encontro do CRIE-MS contou com dirigentes responsáveis pelos setores de pesquisa, ensino, extensão e representantes das áreas de comunicação das instituições. Foram criados grupos de trabalho para proposição de ações nos quatro principais eixos de atuação do colegiado.

"Durante a reunião, percebemos há uma sinergia para o encontro de soluções para algumas preocupações que são de todos nós. Então os encaminhamentos foram promissores", pontuou o pró-reitor de Ensino do IFMS, Delmir da Costa Felipe

Na avaliação do anfitrião deste terceiro encontro e vice-presidente do CRIE-MS, Pe. Ricardo Carlos, os avanços na educação do Mato Grosso do Sul serão notáveis.

"Não há dúvidas de que haverá muitos os frutos desta iniciativa. Um deles já está bem delineado, que é a criação de um marco regulatório da inovação em Mato Grosso do Sul", disse.

SBPC - Durante a reunião, ficou definido o apoio das instituições para que a UFMS ofereça a candidatura para sediar o encontro da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) em 2019. O evento é o mais relevante do meio acadêmico e Mato Grosso do Sul nunca o sediou.

CRIE-MS - A implantação do colegiado teve início em janeiro deste ano, com o objetivo de aproximar as instituições e analisar a possibilidade de uso compartilhado de espaços e incremento no número de acordos de cooperação técnica e protocolos de intenção.

A previsão é que a próxima reunião do colegiado seja realizada na Uniderp, conforme rodízio de reuniões nas instituições.