Saúde

Autoridades do município estão preocupadas com a saúde

Fonte: Da Redação em 09 de Julho de 2017

Prefeito Ruiter Cunha, Secretário de Saúde - Rogério Leite e o vereador Dr. Domingos Albaneze.

A primeira grande medida para resolver a questão da chamada invasão dos bolivianos ao Hospital da Santa Casa de Corumbá acaba de ser tomada. A partir de agora, as carteiras de atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS) nos postos de saúde, UBs, UPAs e principalmente para internação hospitalar para cirurgias e tratamento, não serão mais emitidas pela Associação Beneficente de Corumbá (ABC), entidade administradora do nosocômio local, mas sim, pela Prefeitura Municipal de Corumbá, inclusive mediante apresentação da Carteira Internacional, Passaporte Modelo 19 e com autêntico atestado de residência.

Conforme temos noticiado, nos últimos meses, cerca de 30 por cento dos leitos do hospital de Corumbá estão sendo ocupados pelos bolivianos que residem em Porto Quijarro, Porto Suarez e em outras localidades do vizinho país.

Quando a Constituição Federal em um artigo garante o atendimento aos estrangeiros, significa aos que moram no Brasil, com residência fixas e trabalho em Corumbá, Ladário e em outras localidades e não aos que são trazidos acidentados ou doentes, somente para serem tratados em nosso país.

O vereador Domingos Albaneze, que é médico, já vem mantendo diversos contatos políticos aqui no Brasil e também na Bolívia visando a Audiência Pública do dia 15 de setembro de 2017 no plenário da Câmara Municipal de Corumbá, que poderá contar com a presença do ministro da Saúde.