Coisas que Acontecem

VERGONHA MUNDIAL

Fonte: Farid Yunes em 18 de Julho de 2017

O presidente sem voto, Michel Temer, hoje com tantas acusações, continua comprando deputados para tentar se livrar do processo por lavagem de dinheiro e corrupção passiva na votação nominal em plenário da Câmara Federal no dia 02 de agosto de 2017, da mesma forma que fez na semana que se finda, dando polpudas emendas ao orçamento para os seus aliados da Comissão de Constituição e Justiça, inclusive trocando 15 deles por suplentes que manobra com cabresto e que lhe garantiram essa vitória frágil, porque a que valerá mesmo será com a presença de praticamente todos os parlamentares da Câmara dos Deputados no início do mês que vem.

Os que votaram a seu favor nessa Comissão garantiram recursos de emendas superior a dois bilhões de reais.

Enquanto isso, a instituição de muita credibilidade que é a Polícia Federal, teve recursos reduzidos por parte do governo Temer, tentando conter a operação Lava-Jato; demora na liberação de verbas para emissão de passaporte; continuando a falta de recursos para aquisição de remédios e aos hospitais de todo o país, com muitos ameaçando fechar as portas.

Outro fato é a soltura do ex-ministro Gediel de Lima, que já está em casa sem tornozeleira que está em falta.

Outro acontecimento absurdo foi a liberação do deputado federal Rocha Loures, mesmo tido sido flagrado recebendo e transportando uma mala recheada de dinheiro, num montante de meio milhão de reais. Esse foi levado de avião até Goiânia para conseguir emprestado uma tornozeleira, no velho jeitinho brasileiro. Atitude ilegal e imoral. E os outros detentos comuns que já têm direito a prisão domiciliar, não teriam então a mesma regalia em buscar em outro estado a sua também? Eu só queria entender.

Com esses acontecimentos na semana, o desgaste da Justiça foi grande.