Geral

Morre em Campo Grande Pedro Pedrossian, ex-governador de MS e MT

Fonte: Thatiana Melo/Midiamax em 22 de Agosto de 2017

Morreu dormindo em casa.

Cleber Gellio/Midiamax

Morreu na madrugada desta terça-feira (22) o ex-governador de Mato Grosso do Sul, Pedro Pedrossian. Ele estava com 89 anos e morreu às 3h30 de hoje (terça) dormindo em casa.

O velório será no Palácio Popular da Cultura, no Parque dos Poderes, em Campo Grande, e o sepultamento será no Parque das Primaveras, às 16h30. O ex-governador estava com a saúde debilitada por causa da idade.

Engenheiro civil, Pedro Pedrossian nasceu no dia 13 de agosto de 1928 em Miranda (MS), foi casado por 69 anos com Maria Aparecida Pedrossian, e deixa 6 filhos.

Pedrossian foi governador de Mato Grosso, antes da divisão do Estado, entre os anos de 1966 a 1971. Chegou ao Senado Federal em 1978, onde permaneceu por dois anos, até que em 1980 se tornou o terceiro Chefe do Executivo Sul-mato-grossense, nomeado pelo então presidente João Batista Figueiredo.

Foram dois anos à frente do recém criado Mato Grosso do Sul, foi ele o responsável por organizar a primeira eleição direta da história do Estado, vencida por aquele que se tornaria um dos seus principais adversários políticos, Wilson Barbosa Martins.

Conhecido por suas grandes obras, como a construção da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, Parques dos Poderes e Parque das Nações Indígenas, Pedrossian venceu a eleição e voltou ao comando do governo de MS em 1991, onde permaneceu até 1º de janeiro de 1995.