Cidade

Prefeitura doa terreno e Sest/Senat confirma construção de unidade

Fonte: Assessoria PMC em 26 de Setembro de 2017

Durante solenidade de Ato de Governo realizada no Centro de Convenções do Pantanal, na noite de 20 de setembro, o presidente do Conselho Regional do Serviço Social do Transporte / Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest/Senat), João Resende Filho, confirmou o estabelecimento de uma unidade da instituição em Corumbá. A Prefeitura realizou doação de terreno localizado no bairro Maria Leite para implantação da unidade. A entidade vai investir inicialmente R$ 2 milhões na construção, mas a obra total está orçada em R$ 8 milhões.

De acordo com João Resende Filho, o Sest/Senat tem por objetivo contribuir com a melhoria da qualidade da prestação de serviço de transporte, cooperando também com a melhoria de vida de seus colaboradores. "Desde o primeiro momento das tratativas, a Prefeitura de Corumbá tem nos dado toda atenção, cedendo uma área importante e bem localizada para que possamos investir R$ 2 milhões iniciais. Com isso, o trabalhador de transporte e seus descendentes poderão realmente ter qualidade de vida e condições de disputar em um mercado tão competitivo de trabalho", disse João Resende.

"Corumbá é local estratégico, temos sistema de transporte aquaviário, ferroviário e rodoviário. Todos esses trabalhadores terão nessa unidade do Sest/Senat atendimento à saúde, ao lazer e à sua qualificação profissional. Realmente, nesses 239 anos, Corumbá tem muito a comemorar. Investimento como este somente através de muita boa-vontade, muito estudo e parceria, e nós vamos conseguir concretizar", completou o presidente do Conselho Regional do Sest/Senat.

Em fevereiro, o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira havia visitado a sede estadual do órgão em Campo Grande, quando firmou o compromisso de doação do terreno. A negociação ocorreu entre o prefeito, João Resende Filho e o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de Mato Grosso do Sul (Setur), Sinval Martins de Araújo.

Na época, Ruiter havia afirmado que a parceria faz parte de uma série de negociações que o Município tem realizado com os setores público e privado e destacou que Corumbá tem posição estratégica geograficamente, tendo três modais de transporte em pleno funcionamento (aquaviário, rodoviário e ferroviário). "Por isso, é fundamental termos uma estrutura para atender os profissionais de logística, proporcionando a eles qualificação e bem-estar", afirmou Ruiter.

Conforme João Resende Filho, assim que iniciada, a obra deverá ser concluída em um ano para logo em seguida iniciar atendimento ao público. A unidade operacional, assim que instalada, vai oferecer aos profissionais do setor de transporte e seus familiares atendimentos em saúde como odontologia, fisioterapia, nutrição, além de psicologia, como também ações de esporte, lazer, cultura e recreação. Na área de aprendizagem, cursos de capacitação serão ofertados visando ao desenvolvimento de competências necessárias para o desempenho das atividades profissionais.