Política

Ipems aponta André à frente de Odilon na sucessão estadual

Fonte: Da Redação/Correio do Estado em 31 de Outubro de 2017

André Puccinelli e Odilon de Oliveira aparecem como forte candidatos ao cargo de governador.

Gerson Oliveira / Correio do Estado

Pesquisa do Instituto de Pesquisas de Mato Grosso do Sul (Ipems), realizada em 50 dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul, mostra o ex-governador André Puccinelli (PMDB) um pouco à frente do juiz federal aposentado Odilon de Oliveira (PDT) na disputa para governador, se as eleições fossem hoje.

André está com 26,91% das intenções de voto, contra 25,29% de Odilon. Com base nesses índices, os dois estão tecnicamente empatados, levando em conta a margem de erro de 2,69 pontos porcentuais para mais ou para menos sobre o total do resultado da amostragem. Esses números levariam à definição sobre o futuro governador de Mato Grosso do Sul para o segundo turno.

André e Odilon deixaram para trás o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), com 16,92% das intenções de voto. O prefeito de Costa Rica, Waldeli dos Santos Rosa (PR), aparece mais embaixo, com 6,26%, seguido de perto pelo médico Ricardo Ayache (PSB), presidente da Caixa de Assistência dos Servidores do Estado do Mato Grosso do Sul (Cassems), com 3,21%.

Os eleitores indefinidos, que não responderam ou declararam a intenção de votar em branco, nulo ou em nenhum dos nomes citados, somam 21,41%.

A pesquisa do Ipems foi realizada no período de 18 a 25 deste mês, com 1.329 eleitores.