Política

Ciro denuncia Temer: entregou R$ 1 trilhão às multinacionais do petróleo

Fonte: Brasil 247 em 02 de Dezembro de 2017

Em discurso em São Luís, no Maranhão, neste sábado, o presidenciável Ciro Gomes (PDT) denunciou ao povo o "entreguismo" de Michel Temer, e disse que o peemedebista deu R$ 1 trilhão às multinacionais do petróleo; Ciro criticou ainda "a grande mídia", que segundo ele, "esconde a verdade do povo"; "Temer deu um trilhão de reais. Essa governança que tomou o poder no Brasil distribuiu isso tudo para as multinacionais do petróleo, e ninguém tem direito de saber, porque a mídia comprada não deixa que o povo conheça".

Em discurso em São Luís, no Maranhão, neste sábado, o presidenciável Ciro Gomes (PDT) denunciou ao povo o "entreguismo" de Michel Temer, e disse que o peemedebista deu R$ 1 trilhão às multinacionais do petróleo na quinta-feira (30). Ciro criticou ainda "a grande mídia", que segundo ele, "esconde a verdade do povo".

"Temer deu um trilhão de reais. Essa governança que tomou o poder no Brasil distribuiu isso tudo para as multinacionais do petróleo, e ninguém tem direito de saber, porque a mídia comprada não deixa que o povo conheça", disse ele no vídeo abaixo.

Ciro afirmou que, por outro lado, Temer cobra a fatura ao povo com suas "maldades", como a proposta de reforma da Previdência Social.

"O aposentado a quem se quer perseguir tem que ser sacrificado na cabeça dessa gente. Aqueles que precisam da saúde pública têm que ser sacrificados na cabeça dessa gente. O filho do pobre que precisa de uma escola pública para o preparo para vida tem que ser sacrificado. Mas um trilhão de reais foram dados anteontem por essa gente que nos governa às multinacionais do petróleo, isso não conta? É contra isso que a gente tem que lutar", afirmou o ex-ministro.

Para fechar a conta, Ciro criticou o "malfeitor do Temer" pela já executada reforma trabalhista. "Mais de 10 milhões de brasileiros estão empurrados para o biscate, para informalidade, se virando nas ruas sendo humilhados, perseguidos, para tentar levar alguma coisa para casa".