Polícia

Dois indivíduos foram detidos após disparo de revolver em militar do exército

Fonte: Da Redação em 27 de Dezembro de 2017

Na manhã de segunda-feira (25), por volta das 06 horas, um soldado do exército que estava de serviço na vila militar do 17º Batalhão de Fronteira, foi vítima de disparo de arma de fogo, o tiro foi feito por um indivíduo que passava na rua e estava na companhia de mais três elementos.

Por sorte o tiro não acertou o militar, ele estava de serviço de sentinela na guarita da vila militar. Por portar apenas um bastão, o soldado solicitou reforço de uma guarnição do exército, a qual acompanhou os indivíduos e presenciou o momento em que adentraram uma residência nas proximidades da Rua Sete de Setembro, sendo acionada a Polícia Militar em seguida.

Já no local, as equipes de Rádio Patrulha de Ladário com o apoio da Força Tática, entraram em contato com o proprietário da residência, ele assinou espontaneamente uma permissão manuscrita autorizando a entrada dos policiais na residência para que fosse realizada a abordagem dos indivíduos.

No imóvel haviam diversas pessoas, e durante a abordagem, a vítima reconheceu o autor do disparo, sendo de imediato, dada a voz de prisão ao mesmo. Os outros três indivíduos não foram reconhecidos, porém um dos homens que estava no local desacatou as guarnições causando transtorno.

Os indivíduos foram detidos pelos crimes de disparo de arma de fogo, resistência, desobediência e desacato e conduzidos até a Delegacia de Polícia Civil, para providências cabíveis. A arma usada para o disparo, não foi encontrada. (Com informações do 6ºBPM)