Carnaval 2018

Caprichosos de Corumbá ensaia desde dezembro e promete impactar público

Fonte: Da assessoria PMC em 14 de Janeiro de 2018

Os ensaios da Caprichosos acontecem de terça a sábado, na sede.

Gisele Ribeiro/PMC

O Grêmio Recreativo Escola de Samba Caprichosos de Corumbá quer tentar ficar entre as melhores apresentações do Carnaval 2018. "Debochar e libertar: A Caprichosos manda para os Quintos a ambição de quem não trabalha ou inventa. O povo não sustenta" é o enredo da escola que conquistou, no ano passado, o segundo lugar do Grupo de Acesso com o tema "Que Rei sou Eu". A escola é a quinta a desfilar no domingo, dia 11 de fevereiro, e pretende "impactar" o público com sua apresentação.

"Vamos falar a respeito dos impostos que desde a época do império até os tempos atuais temos que pagar e também vamos falar da corrupção. É uma maneira bem leve de falar do assunto, vamos usar também o teatro para fazermos o carnaval", afirmou Joana Baromeia Leite Rodrigues, a "Baroa da Caprichosos", presidente da Escola de Samba.

O carnavalesco Leandro Cavalheiro compôs o samba-enredo que deve ser tocado por cerca de 80 ritmistas sob a liderança do mestre de bateria Robinho Adrison. A rainha de bateria é a Geovana Bastos. Luiz Antônio e Iwana serão mestre-sala e porta-bandeira. A previsão é que 650 pessoas participem do desfile da escola que terá 16 alas e 04 carros alegóricos. O responsável pela comissão de frente é o professor Anderson Nunes.

A Caprichosos está ensaiando desde o dia 19 de dezembro de 2017, na quadra da própria sede, localizada na rua Delamare, nº 197, esquina com a Marechal Floriano, no bairro Dom Bosco. Os ensaios acontecem de terça a sábado, sempre a partir das 20 horas.

"Esperamos ficar classificados entre os melhores, já que este ano será um grupo único. Nossa intenção é ficar entre as primeiras colocações e estamos nos preparando bastante para isso. Vamos colocar para ‘arrebentar' os nossos caros alegóricos. Esperamos realmente que o público goste da apresentação porque estamos vindo com muito brilho e, como sempre, com muita alegria e, como diz nossos carnavalescos, estamos indo para impactar o público", afirmou Joana Baromeia.

Compõem hoje a diretoria da Caprichosos, além da presidente, o vice-presidente Francisco Inácio; o 1º tesoureiro Edvaldo da Silva; a 2ª tesoureira Maria da Silva Paulo; o secretário Silvânio e o 2º secretário Wanderley. A escola de samba foi fundada em 25 de setembro de 2005.

Ficha Técnica
Presidente: Joana Baromeia Leite Rodrigues, a "Baroa da Caprichosos"
Carnavalesco: Leandro Cavalheiro
Diretor de Carnaval: Éder
Enredo: "Debochar e libertar: A Caprichosos manda para os Quintos a ambição de quem não trabalha ou inventa. O povo não sustenta"
Autor do Samba-Enredo: Leandro Aparecido Cavalheiro da Silva
Mestre de Bateria: Robinho Adrison
Ritmistas: 80
Rainha da Bateria: Geovana Bastos
Alas: 16
Componentes: 650
Mestre-Sala e Porta-Bandeira: Luiz Antônio e Iwana
Carros Alegóricos: 04
Fundação: 25/09/2005

Confira o samba-enredo de 2018 da Caprichosos de Corumbá:
Virando o jogo, Brasil
Me faz sorrir e sonhar... Acreditar
Eu sou teu filho, não fujo à luta
Faz a justiça ecoar (BIS)
Será que essa história não vai ter mais fim
Se desde sempre, sempre foi assim
Eu me pergunto onde vai parar
De além mar João traria
Toda ganância e covardia
Pra explorar, escravizar
E sem limites para me taxar
É o paraíso... Terra Brasil que tudo dá

Sacode Brasil, levanta a poeira
Vem caprichar nessa brincadeira
A resistência é azul, branco e vermelho (BIS)
O meu espírito é de onça, é pantaneiro

E foi pelo quinto que o ouro sangrou
Mas sou do pau oco, portuga sambou
Lá vai a madeira que me batizou
A alforria não libertou
No abandono negro choro
Ôôôôô... ÔÔÔÔÔ
E o poder da Coroa infame e velhaca
Hoje usa terno e gravata (BIS)