Esportes

Torcedores organizam manifesto ‘#Fora Cesário’, no Morenão neste domingo

Fonte: Diego Alves/Midiamax em 20 de Janeiro de 2018

Torcedores de times de Mato Grosso do Sul organizam via Whats App, um protesto contra o presidente da FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul), Francisco Cesário de Oliveira, às 10 horas deste domingo (21).

"Convocamos as torcidas do MS para um manifesto contra a atual presidência da FFMS! Vamos gritar numa só voz pela saída do Cesário!", é a chamada que circula. A reportagem tentou mas não conseguiu contato com o presidente da federação.

"Já não dá mais, ele já está a vinte e poucos anos no poder. E tem esse episódio agora de não liberar o Morenão. Está certo que quem não liberou o Morenão foi o Ministério Público, mas, qual campeonato que a federação faz? É o estadual. O estadual dura três meses, nove meses a federação faz o quê? A gente quer esclarecimento do que está acontecendo, queremos uma transparência do nosso futebol", disse Giovani Pirata, 36, torcedor do Novo.

"Não temos estádios para jogar, pois não têm as adequações requisitadas para segurança. Os clubes estão afundados em dívidas, estão cada vez mais decadentes. E outra coisa, não é possível que o MPE vê irregularidades no Morenão, por falta de grades e corrimão, que nunca precisou. Precisamos de uma auditoria completa e minuciosa na federação", diz Whesley Brum de 38 anos, torcedor do Corumbaense.

"Hoje Campo Grande não tem se quer um estádio para jogar", disse um torcedor do Sete de Setembro que se identificou como André.

Interdição do Morenão
O Ministério Público Estadual emitiu uma notificação que proíbe a utilização do Estádio Pedro Pedrossian, o Morenão, no Campeonato Sul-Matogrossense de futebol, no último dia 16. O estádio que chegou a ficar dois anos interditados por falta de documentos, pôde receber os jogos do estadual no ao passado.

A notificação emitida é assinada pelos promotores Fabrício Proença de Azambuja e Luiz Eduardo Lemos de Almeida.

De acordo com o MPE, o estádio não poderá ser utilizado "até que sejam apresentados laudos complementares de Segurança, de Prevenção e Combate ao Incêndio e Pânico e principalmente de Vistoria de Engenharia Acessibilidades e Conforto".

O campeonato teria início na noite da última quarta-feira (17), com a partida entre União e Operário. No próximo domingo (21), também estava marcado no Morenão, a partida da segunda rodada entre Operário e Comercial.

Dois estádios que já foram liberados pelo Ministério Público nos últimos dias foram o Arthur Marinho em Corumbá e o Douradão em Dourados.