Geral

Com chuva fora do normal, Corumbá tem média de 1,5 mil raios por dia

Fonte: Tatiana Marin/Midiamax em 29 de Janeiro de 2018

Corumbá recebeu 42.900 descargas elétricas

O volume de chuva inesperado para o mês de janeiro, além de causar enchentes e alagamentos em 19 municípios de Mato Grosso do Sul ‒ sendo 10 homologados pelo Governo do Estado ‒ aumentou a incidência de descargas elétricas. Em Corumbá foram registrados 42.900 raios até o dia 28 de janeiro, com média superior a 1500 por dia.

Segundo informações do meteorologista Natálio Abrão, da Uniderp, a quantidade de descargas elétricas que incidiram em Corumbá, corresponde a 22,8% da ocorrência em todo o Estado. Incidência alta para o município, mesmo sendo o maior área do Estado ‒ os 64.960 km² correspondem a 18,1% do território sul-mato-grossense.

O dia 19 de janeiro, que foi o campeão, recebeu 8.202 em relâmpagos, em seguida, no dia 6 foram 5.286 e no dia 24, 3.399. O número de raios em Mato Grosso do Sul no mesmo período foi de 188.026.

Chuva
Mato Grosso do Sul continua com 19 municípios em estado de emergência, sendo 10 deles homologados pelo Governo do Estado. São eles: Amambai, Japorã, Porto Murtinho, Coronel Sapucaia, Tacuru, Eldorado, Novo Horizonte, Itaquiraí, Sete Quedas, Iguatemi.

Entretanto outros municípios também registram volumes acima do esperado para o período. Ainda conforme dados enviados pelo meteorologista, em Maracaju, a 162 quilômetros da Capital, o acumulado no mês é de 320 mm e o esperado era de 180 mm, sendo 46 mm em 24 horas. "O solo local está no limite máximo de água e o risco de enchentes é elevado", analisa.

Natálio também destacou Três Lagoas, que fica a 338 quilômetros de Campo Grande. Entre os dias 25 e 27 de janeiro o nível de precipitação ficou em 66,4 mm. Segundo ele o esperado para o mês era de 146,7 mm e o acumulado já está em 224,2 mm.
Campo Grande

Apesar chuvas recorrentes, a Capital ainda não atingiu o nível esperado, que segundo Natálio é de 206 mm. Até dia 28 o acumulado está em 176,4 na UPA Universitário e 186,4 mm na região do bairro Carandá Bosque.

Na tarde desta segunda-feira (19) a precipitação ficou em 12 mm na região da UPA Vila Almeida e 9,8 mm na Vila Popular.