Política

Em encontro técnico comercial com a Bolívia negociações progridem e novas reuniões são agendadas

Fonte: Assessoria de Imprensa MSGàS em 30 de Janeiro de 2018

Chico Ribeiro/Subcom

O encontro técnico e comercial com as autoridades bolivianas que aconteceu na manhã de hoje (30.1), no Novo Hotel, em Campo Grande, já terá sequência na semana que vem, em Santa Cruz de La Sierra. "Dando continuidade à reunião de hoje, que foi excelente, já firmamos novas reuniões para a semana que vem, na Bolívia", anunciou o diretor-presidente da Companhia de Gás do Estado de Mato Grosso do Sul (MSGAS), Rudel Trindade.

A reunião técnico e comercial teve como objetivo tratar temas importantes como contratos futuros e o fornecimento de gás natural para dois importantes projetos alocados em Mato Grosso do Sul: Termoelétrica Fronteira e a UFN3. "Tivemos um diálogo importantíssimo com a Bolívia e vejo que estamos avançando nas negociações no que diz respeito ao aumento do volume do fornecimento de gás natural para Mato Grosso do Sul. Temos aqui dois grandes projetos que vão demandar fortemente o gás natural, a termoelétrica em Ladário, que precisará de um fornecimento de cerca de 1,2 milhão m3/dia e a UFN3 em Três Lagoas que vai demandar de 2,2 milhões de m3/ dia de gás natural", explicou.

Para fortalecer as negociações, também participaram os interessados na compra da UFN3 e o grupo Global Participações em Engenharia, que já tem a licença ambiental prévia para os estudos de implantação da termoelétrica na fronteira.

Para dar continuidade às negociações acontece no dias 5 e 6 de fevereiro, em Santa Cruz da La Sierra, uma nova reunião que tratará da compra de gás para o fornecimentos para a UFN3. Em seguida, no dia 28 de fevereiro, também em Santa Cruz, acontece o a agenda para tratar do fornecimento futura para a termoelétrica em Ladário.