Política

Pré-candidato ao Governo diz ser alvo de armação e desabafa em rede social

Fonte: Richelieu Pereira/Midiamax em 10 de Fevereiro de 2018

Henrique Kawaminami

Sem citar detalhes, o pré-candidato ao Governo do Estado Odilon de Oliveira (PDT) diz ser vítima de um ‘jogo sujo' neste período que antecede a campanha eleitoral deste ano. O ex-juiz federal usou sua página no Facebook para desabafar e dizer que acionou o Ministério Público a polícia para que tomem providências.

"Como já havia alertado, o fato de liderar as pesquisas de intenção de voto para governador em Mato Grosso do Sul passou a representar pesada ameaça contra eventuais concorrentes e quem desaprova meu perfil", publicou Odilon na sexta-feira (9).

O ex-magistrado prossegue ao afirmar que é vítima de agressões, que ocorrem através de "insinuações ou invenções armadas" sobre seu currículo no combate ao crime organizado.

"Descobriu-se, agora, por revelação confidencial contendo nomes de participantes do engodo, incluindo ex-policiais, uma armação em andamento para envolver minha pessoa em fatos de aparência criminosa", revela o postulante ao Governo.

O máximo de detalhe que dá sobre os possíveis membros dessa trama é a participação de uma mulher alvo de decisões que proferiu quando era juiz federal.

"Já tomei as providências necessárias a levar essa denúncia ao conhecimento do Ministério Público e às autoridades policiais", conclui a nota-desabafo.